A petição lançada pelos subscritores do Manifesto 74, que pede a reestruturação da dívida portuguesa, já pode ser discutida no Parlamento. Para chegar ao plenário da Assembleia da República, a petição precisava de quatro mil assinaturas, mas já tem quase 12 mil.

Depois de ser enviada à presidente da Assembleia da República, a discussão terá de ser agendada no prazo máximo de 30 dias.

No documento, que pode ser lido e assinado na Internet, 74 personalidades de vários quadrantes da sociedade portuguesa defendem a reestruturação da dívida acima dos 60% do Produto Interno Bruto. Pedem ainda a descida das taxas de juro e a extensão dos prazos de pagamento.