O Presidente da República, Cavaco Silva, e o presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, manifestaram hoje confiança e esperança na nomeação de Carlos Moedas para comissário europeu da Investigação, Ciência e Inovação.

Os responsáveis falavam na sessão de abertura da conferência «The Future of Europe is Science», promovida pela Comissão Europeia, na Fundação Champalimaud, em Lisboa.

«A nomeação de um português, engenheiro Carlos Moedas, para comissário da pasta da Investigação, Ciência e Inovação, cria-nos a expectativa e a esperança de que a batalha europeia pela ciência irá prosseguir com renovado ímpeto e, bem assim, que Portugal e as suas comunidades científica, académica e empresarial irão posicionar-se, cada vez mais, de forma a intervir nesta frente de combate», afirmou o Presidente da República.

Durão Barroso manifestou «satisfação» pelo facto de a «enorme responsabilidade de conduzir a política de Ciência no futuro» incumbirá ao seu «compatriota e amigo» Carlos Moedas.

O presidente da Comissão Europeia expressou confiança de que o comissário português indigitado, que se encontrava na sala, «desenvolverá profundos esforços a favor da ciência, da investigação e da inovação na Europa».