O impasse político chegou ao fim. Duas semanas depois da queda do Executivo PSD/CDS-PP no parlamento, a 10 de novembro, Cavaco Silva deu luz verde à formação de um governo de iniciativa do PS, com o apoio parlamentar do BE, PCP e PEV, esta terça-feira, indigitando António Costa como primeiro-ministro de Portugal.

As eleições legislativas de 4 de outubro deram a vitória à coligação formada pelo PSD e pelo CDS, mas sem maioria absoluta e com uma maioria de deputados eleitos para o parlamento à esquerda. Fatores que desencadearam uma série de acontecimentos sem precedentes na história da democracia portuguesa, com destaque para as negociações à esquerda e a queda no parlamento do Governo mais curto de sempre.

Além dos partidos com assento parlamentar e dos seus líderes, também os discursos do Presidente da República acabaram por marcar os últimos tempos. 

Com vista à formação do novo governo do país, Cavaco Silva deixou críticas, fez sérios avisos e impôs várias condições.

Recorde agora as frases mais relevantes do Presidente desde as eleições.