«UE fechou olhos a disparate que se fez em Portugal»

Comentário do juiz Carlos Moreno a respeito das PPP

Por: Redação    |   18 de Novembro de 2012 às 01:41
O juiz Carlos Moreno considera que foram feitos vários disparates em Portugal a propósito das Parceiras Público-Privadas e com o consentimento da União Europeia.

Em entrevista na TVI24, o juiz jubilado do Tribunal de Contas comentou o estudo da Universidade Católica que coloca Portugal como o campeão do mundo no que respeita às PPP [ver artigo relacionado].

E assumiu que a UE teve um «fechar de olhos a um disparate que se fez em Portugal» do ponto de vista «económico e financeiro».
PUB
Partilhar
EM BAIXO: Juiz Carlos Moreno
Juiz Carlos Moreno
COMENTÁRIOS

PUB
CDS-PP abre porta ao diálogo com o PSD «com vista ao futuro»

O líder democrata-cristão e vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, garantiu este sábado que «não será pelo CDS-PP que se criarão dificuldades ou demoras» a um diálogo com o parceiro de coligação com vista às próximas eleições, mas deixa um alerta: «não se deve ter pressa em demasia», nem «se deve demorar em excesso», porque «na vida e na política há o momento certo»