O diretor de campanha do Bloco de Esquerda, Ricardo Moreira, considera que a descida da taxa de abstenção destas legislativas que está a ser divulgada pelas primeiras projeções é "muito significativa" e representa que "as pessoas sentiram a necessidade de mudança". 

"Esta taxa de abstenção é muito significativa e acho que as pessoas sentiram a necessidade de mudança."

O bloquista destacou que os dados preliminares são significativos não só devido à existência de "um milhão de eleitores fantasma", mas também por causa do fenómeno da emigração que se intensificou nos últimos anos, 

"A abstenção está em níveis historicamente baixos o que é significativo, não só porque há um milhão de eleitores fantasma, mas também porque 485 mil pessoas saíram do país e estão impedidas de votar.  Um resultado destes é particularmente significativo e mostra que houve vontade de participar, de escolher o futuro. "


A abstenção destas legislativas situa-se entre os 39% e os 43% segundo uma projeção da TVI. Em 2011, o nível de abstenção ficou em 41,97%. 

A noite eleitoral do Bloco de Esquerda ocorre este domingo no Cinema São Jorge, em Lisboa. A porta-voz do partido, Catarina Martins, já chegou ao São Jorge. Aqui também já estão muitas figuras do Bloco como Mariana e Joana Mortágua, Pedro Filipes Soares e Luís Fazenda.