O Bloco de Esquerda pediu esta quarta-feira esclarecimentos ao Governo sobre a decisão de não autorizar a aterragem em Portugal do avião que transportava o Presidente boliviano, Evo Morales, por alegadas «considerações técnicas».

Numa pergunta endereçada ao primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, o partido quer saber como o Governo português justifica esta decisão, «visto que as alegadas considerações técnicas constituem, no parecer do Bloco de Esquerda, não ter qualquer cabimento».

O Ministério dos Negócios Estrangeiros português confirmou hoje ter cancelado por «considerações técnicas» o sobrevoo de Portugal e aterragem em Lisboa do avião do Presidente da Bolívia, na segunda-feira à tarde.

Em comunicado, o MNE acrescenta que a interdição de sobrevoo do espaço aéreo português foi levantada às 21:10 do mesmo dia, mantendo-se no entanto a interdição de aterragem «por considerações técnicas».

Snowden: Portugal recusa aterragem a avião de presidente da Bolívia