Quase sete por cento dos votos expressos nas autárquicas de domingo foram brancos ou nulos, um valor que subiu para mais do dobro face às autárquicas de 2009.

De acordo com os dados publicados no site da Direção Geral da Administração Interna cerca das 18:00 (quando falta apurar uma freguesia) 193.284 votos foram em branco, o que corresponde a 3,87 por cento.

O número de votos nulos atingiu os 147.081, ou seja, 2,95 por cento. O total de votos brancos e nulos atinge os 6,82 por cento.

Nestas eleições, o número de votos em branco superou o número de votos no Bloco de Esquerda, que obteve 120.914 votos, e o número de votos no CDS-PP sozinho, 151.828 votos.

Nas eleições de domingo votaram 4.992.490 eleitores de 9.492.396 inscritos, indica o site da DGAI.

Os votos em branco nas eleições de domingo mais do que duplicaram face às autárquicas de 2009, quando se registaram 94.498, 1,72 por cento.

Os votos nulos em 2009 foram também em menor número, 68.826, 1,25 por cento.