O candidato do PS à câmara de Monção, Augusto Domingues, foi hoje confirmado como vencedor das eleições, três dias após o encerramento das urnas e com apenas 3 votos de vantagem sobre o seu adversário do PSD.

A informação foi avançada pelos elementos das duas listas no final da reunião da assembleia de apuramento geral, já no segundo dia, depois de averiguadas várias participações e discrepâncias formais, com a verificação e validação dos votos de diversas freguesias.

De acordo com os dados divulgados na madrugada de segunda-feira pela Direção Geral de Administração Interna (DGAI), a lista do PS, liderada por Domingues, atual vice-presidente da Câmara, tinha vencido as eleições em Monção com 37,96% da votação (4.743 votos), contra os 37,92% (4.739 votos) da lista do PSD.

Esta diferença de quatro votos acabou hoje por ser reduzida para três, após validação de dois votos do PSD e um do PS, anteriormente dados como nulos.

No entanto, o seu adversário para a autarquia, António Barbosa, candidato do PSD, já anunciou que vai recorrer destes resultados nas próximas 24 horas, alegando «irregularidades graves» no processo eleitoral em Monção.