A Assembleia da República vai aprovar esta quarta-feira um voto de pesar em homenagem às vítimas dos incêndios do fim de semana, seguido de um minuto de silêncio.

Este ponto da ordem de trabalhos, às 15:00, antecede o debate quinzenal com o primeiro-ministro, de acordo com a agenda da sessão plenária de hoje.

Cada grupo parlamentar fará uma intervenção de três minutos.

As centenas de incêndios que deflagraram no domingo, o pior dia de fogos do ano segundo as autoridades, provocaram pelo menos 41 mortos e cerca de 70 feridos (mais de uma dezena dos quais graves), além de terem obrigado a evacuar localidades, a realojar as populações e a cortar o trânsito em dezenas de estradas.

O Governo decretou três dias de luto nacional, entre terça e quinta-feira.

Esta é a segunda situação mais grave de incêndios com mortos este ano, depois de Pedrógão Grande, em junho, em que um fogo alastrou a outros municípios e provocou 64 mortos e mais de 250 feridos.