Passos tem pena que não seja possível chegar a um entendimento com os socialistas

«Está tudo em aberto, temos um problema e precisamos de o resolver, era importante que começássemos a dizer como.»


«Não partimos com nenhum pressuposto enviesado para a discussão, partimos para ela sabendo que temos o problema, temos uma noção de qual é a dimensão dele, estamos disponíveis com grande margem de liberdade, com grande amplitude para estudar uma solução, não tem de ser toda um corte nas pensões, não tem de ser toda financiada por impostos, pode ser um misto disto, pode envolver mais as empresas do que os contribuintes singulares.»












«participação alargada» novas medidas