Vasco Cordeiro, candidato único à liderança do PS/Açores, foi reeleito neste sábado para um segundo mandato, obtendo 99,1% dos votos, informa uma nota de imprensa do partido.

Segundo a mesma nota, nas eleições diretas, que decorreram na sexta-feira e no sábado, em 47 secções de voto do partido nas nove ilhas dos Açores, votaram 1.678 militantes, “cerca de 37,6 % do total”, tendo-se registado “1.659 votos a favor, seis votos contra e 13 votos em branco/nulos”.

“Neste ato eleitoral foram ainda eleitas as 47 estruturas locais do Partido Socialista nas nove ilhas, assim como os membros de cada comissão de ilha”, adianta o PS/Açores, referindo que foram igualmente eleitos os cerca de 300 delegados ao XVI Congresso Regional que se realiza entre 18 e 20 de março.

Vasco Cordeiro, também presidente do Governo Regional dos Açores, foi eleito pela primeira vez para liderar o PS no arquipélago a 12 de janeiro de 2013.

Na apresentação da recandidatura, no passado dia 4, Vasco Cordeiro disse que “o sonho e a ambição” que tem para o progresso dos Açores não estão ainda plenamente realizados, exemplificando que ambiciona mais na criação do emprego, na Educação ou na Saúde.

Na ocasião, acrescentou que “a candidatura a presidente do Governo [Regional] é também obviamente o que está em causa neste processo”, mas a razão que motivou a candidatura “não é a questão de ganhar as eleições regionais”, que se realizam este ano, embora tal possa ser o “fruto da confiança” no trabalho do PS.