"Manifesto a minha solidariedade com o povo francês e as suas autoridades perante os ataques terríveis desta noite".

Antonio Costa enviou uma mensagem de solidariedade ao Presidente François Hollande, ao primeiro-ministro, Manuel Valls, ao Partido Socialista Francês e ao embaixador francês em Lisboa, segundo informação a que a TVI teve acesso.

François Hollande ordenou o estado de emergência e o encerramento das fronteiras de França na sequência do que classificou de "ataques terroristas sem precedentes" no país.