durante a sua intervenção no Congresso da Cidadania, Rutura e Utopia, que decorreu este sábado em Lisboa.

«Não temos futuro integrados na União Europeia se esta não for um espaço de solidariedade e um espaço de cooperação entre os países e os povos.»








«É preciso desmontar estas trapaças como o caso do programa anunciado há dois dias para trazer os jovens que emigraram; isso não é programa coisa nenhuma, e é quase provocatório.»