O PSD marcou para hoje um debate de atualidade no parlamento sobre as reformas feitas no setor da justiça, no qual espera ouvir a ministra, Francisca Van Dunem, esclarecer se pretende desfazê-las ou dar-lhes continuidade.

Em declarações à agência Lusa, o deputado e vice-presidente do Grupo Parlamentar do PSD Carlos Abreu Amorim considerou que Francisca Van Dunem tem estado em silêncio desde que tomou posse: "Queremos ouvir a senhora ministra, desde logo, porque até hoje não disse nada sobre coisa nenhuma".

O PSD quer também confrontar a ministra com um relatório recente do Fundo Monetário Internacional (FMI) sobre a avaliação do impacto das reformas do anterior Governo neste setor, "que é extremamente elogioso, dizendo que já há efeitos positivos que se conseguem discernir", adiantou.

Segundo Carlos Abreu Amorim, "este Governo, um pouco a reboque dos partidos de extrema-esquerda que o suportam no parlamento, parece apostado em desfazer tudo aquilo que foi feito, todas as reformas que tanto custaram a implementar" pela anterior governação PSD/CDS-PP.

"Lançamos um desafio ao Governo em funções e à senhora ministra, da qual ainda não ouvimos nada, para que esclareça se, também no setor da justiça, vai destruir as reformas e o trabalho que foi feito pelo anterior Governo", acrescentou.