A abstenção situa-se entre os 39% e os 43% segundo uma projeção da TVI. Em 2011, o nível de abstenção ficou em 41,97%.

Já em 2009, a abstenção foi de 40% e nas eleições de 2005 foi de 36%.

Segundo o Ministério da Administração Interna, às 16:00 deste domingo, mais de quatro milhões de eleitores já tinham votado, estimando a afluência em 44,38%.

Por comparação com as últimas eleições legislativas, realizadas a 5 de junho de 2011, à mesma hora a afluência média foi ligeiramente inferior: 41,98%, o que corresponde a menos 230 mil votantes. 

Pelas 12:00, quase dois milhões de eleitores já tinham votado, o que representa 20,65% dos 9,6 milhões de eleitores inscritos, uma subida de 0,64 pontos percentuais, face às anteriores legislativas. 

As mesas de voto estão abertas até às 19:00 em Portugal Continental e Madeira, enquanto nos Açores fecham uma hora mais tarde em relação à hora de Lisboa devido à diferença horária. 

No entanto, a Comissão Nacional de Eleições avisou que apesar do encerramento oficial das urnas de votos ser à 19:00, as mesas das assembleias de voto devem admitir os boletins de quem se encontra em fila de espera nessa altura. 

Nestas eleições para a XIII Legislatura, concorrem 16 forças políticas, das quais três são coligações e as restantes 13 partidos. 

Nas coligações, contam-se a Coligação Democrática Unitária (CDU), que junta PCP e PEV, a coligação Portugal à Frente, com PSD e CDS-PP e a coligação Agir, que alia o Movimento Alternativa Socialista (MAS) ao Partido Trabalhista Português (PTP). 

Os partidos políticos são: Partido Socialista (PS), Bloco de Esquerda (BE), Livre/Tempo de Avançar, Juntos pelo Povo (JPP), Nós, Cidadãos! (NC), Portugal pro vida, Cidadania e Democracia Cristã (PPV/CDC), Partido da Terra (MPT), Partido Democrático Republicano (PDR), Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses (PCTP/MRPP), Partido Nacional Renovador (PNR), Partido Unitário dos Reformados Portugueses (PURP), Partido Popular Monárquico (PPM) e Pessoas-Animais-Natureza (PAN). 

A 14 de outubro serão contados os votos dos círculos da Europa e Fora da Europa, que elegem quatro deputados. Após o apuramento destes dois círculos, fica fechado o apuramento geral dos resultados das legislativas.