A economia espanhola cresceu 0,8% no segundo trimestre de 2016, um crescimento idêntico ao registado no trimestre anterior, anunciou o instituto espanhol de estatística.

Já no que se refere ao crescimento trimestral face ao mesmo período de 2015 ficou em 3,2% face aos 3,4% homólogos do trimestre precedente.

O instituto acrescenta que, em termos homólogos, a taxa “coincide com a publicada nas estimativas preliminares do Produto Interno Bruto (PIB), no passado dia 29 de julho”, enquanto na comparação face ao período entre janeiro e março “é uma décima superior”.

Em termos de contributos, a economia espanhola foi ajudada pelo aumento da procura externa em detrimento do ligeiro abrandamento do consumo interno.

O documento sobre a contabilidade nacional do trimestre revela ainda que o emprego na economia, em termos de postos de trabalho a tempo inteiro, teve uma variação positiva trimestral de 0,6%, apesar de menor que no trimestre anterior. Uma desaceleração também visível na comparação trimestral homóloga.