A economia alemã deverá ter acelerado no segundo trimestre deste ano, depois de o mau tempo ter penalizado o seu comportamento durante os primeiros três meses de 2013, estima o Ministério da Economia alemão, no seu boletim mensal.

«A economia alemã cresceu vivamente na Primavera», refere o Ministério liderado por Philipp Roesler citado pela Reuters. «Depois do mau tempo ter penalizado a economia no primeiro trimestre, houve um arranque no crescimento no segundo trimestre», acrescenta.

Entre abril e junho, a maior economia da Europa devera ter sido impulsionada pelo consumo privado e pelo investimento na construção.

Mas o Ministério avisa que, na segunda metade do ano, o crescimento deverá ser mais moderado.

O banco central alemão, o Bundesbank, também estima uma aceleração do crescimento no segundo trimestre, seguida de um abrandamento na segunda metade.