O papa Francisco pediu esta quarta-feira «que não falte a ajuda necessária da comunidade internacional» no combate à epidemia de Ébola nos países africanos, durante um discurso após a audiência geral na praça de São Pedro.

Francisco recordou todos os que estão a sofrer devido à epidemia de Ébola e manifestou a sua proximidade «a todas as pessoas afetadas por esta terrível doença».

O papa pediu aos fiéis que rezassem por todos os que perderam a vida devido ao Ébola, apelando ainda para que «não falte a ajuda da comunidade internacional para aliviar o sofrimento destes irmãos e irmãs».