“Sendo este um problema de dinheiro, é espantoso que não se fale de dinheiro. Nós não podemos aumentar a despesa pública, porque já estamos acima das possibilidades. Aqueles que querem ir contra a chamada austeridade vêm aumentar a despesa pública. Se isto acontecer é um desastre. (…) É preciso que chegue um Governo que saiba que estamos a falar de austeridade. Temos de falar de dinheiro, e ninguém fala de dinheiro.”




semelhante ao da Grécia

são de aumento da despesa pública

“As propostas do [Partido Socialista] são de aumento da despesa. As negociações não estão a ter em conta a real situação do país. Há um risco muito sério [de regressarmos à situação de há quatro anos].”