a austeridade tenha atingido os mais pobres

"Que Passos tenha vindo dizer que nunca tinha vindo prejudicar os mais pobres - a isto chama-se mentir com todas as letras"


Passos Coelho "quis cortar salários líquidos de 600 euros e pensões líquidas de 650 euros ou vice-versa. É completamente falso, isso. E o resultado é desastroso"




"Seguimos caminho completamente diferente daquele que o Syriza quer seguir agora. O tom de negociação é diferente. Os gregos conseguiram que a questão grega fosse levada a cimeira europeia, dando ao assunto carácter político que o assunto tem"