Constança Cunha e Sá criticou o ministro da Defesa por ter afirmado que os Estaleiros Navais de Viana do Castelo vão «renascer» com a subconcessão à empresa Martifer.

«Está a brincar com os 620 trabalhadores que viram hoje confirmados o seu desemprego. O presidente da Câmara de Viana fala mesmo em 4 mil empregos indiretos. É um brutal ataque à economia daquela região», afirmou, na TVI24.

A comentadora acrescentou que «este ministro nunca se dignou a ir a Viana» e que «os trabalhadores souberam da notícia por um comunicado da Martifer à CMVM». «Isto não é forma de tratar as pessoas», lamentou.