Nota: o comentário foi efetuado antes da última recontagem dos votos na Madeira que, afinal, confirmou a maioria absoluta do PSD

Constança Cunha e Sá analisou o resultado das eleições da Madeira do último domingo, sublinhando que a perda de votos dos partidos da direita não significou um aumento da votação no PS. Muito pelo contrário.

A comentadora notou o «fiasco absoluto da coligação» em que se envolveu o Partido Socialista, considerando que esta afetou a «credibilidade» da candidatura.

Constança fez ainda uma análise à projeção destes resultados a nível nacional.

«É evidente que a Madeira tem aspetos específicos que não são transponíveis para o continente, mas é evidente que esta é uma boa notícia para o PSD e uma péssima notícia para António Costa».