Os 108 anos de história da Alfa Romeo caracterizam-se por um DNA feito de corridas e competição, que se reflete hoje na criação Giulia e Stelvio Quadrifoglio "NRING", criados para homenagear as performances históricas e recordistas alcançadas no lendário circuito alemão de Nürburgring.

Mas estas versões exclusivas são também elas recordistas do circuito germânico, já que o Alfa Stelvio (SUV) detém o recorde do seu segmento, com um tempo de volta de 7m51,7s, enquanto o Giulia Quadrifoglio (Berlina) conseguiu realizar a sua melhor volta em 7m32s.

A marca italiana já fez saber que vai produzir apenas 108 unidades de cada modelo, os anos de história da Alfa Romeo. Estes dois modelos exclusivos apresentadas no último Salão de Genebra, contam com detalhes únicos como uma placa numerada no habitáculo ou a pintura denominada de Circuito Grey.

Os dois modelos na versão NRING contam com travões com discos carbocerâmicos, bancos do tipo bacquet com estrutura em fibra de carbono e revestimento em couro com costuras vermelhas, da Sparco, volante em couro e alcântara e no caso do Giulia NRING destaque ainda para o teto em carbono.

A nível de motorização estes dois modelos fazem uso do V6 biturbo de 2,9 litros com 510 cv e 600 Nm, com transmissão automática de oito velocidades. O Stelvio, o SUV da Alfa Romeo, conta com tração integral e segundo a marca atinge a velocidade máxima de 283 km/h e chega do 0-100 km/h em 3,8s

Já o Giulia é dotado de tração traseira e a velocidade máxima é de 307 km/h e chega dos 0-100 km/h em 3,9s.

Os 108 anos da Alfa Romeo vão ser assinalados em Itália no próximo domingo, 24 de junho, para lembrar que a marca desde a sua criação sempre obteve resultados de excelência em várias competições.