José Castelo Branco desmente agressão a Daniel Martins: «retoquei o meu pó de arroz e segui o meu caminho»

.

Por:    |   30 de Maio de 2011 às 19:00
José Castelo Branco e Daniel Martins são os protagonistas de uma polémica ocorrida durante a festa dos Globos de Ouro, este domingo, em Lisboa.

Segundo um comunicado enviado às redações, José Castelo Branco teria acusado Daniel Martins de ser responsável pelo AVC que «em tempos, supostamente, a mãe dele terá sido vítima», agredindo-o, em seguida, com uma «cabeçada».

José Castelo Branco desmente a agressão, afirmando que apenas confrontou Daniel Martins devido a um episódio que «pôs em perigo a vida» da sua mãe.

«Questionei-o apenas em como é que ele tinha coragem para aparecer à minha frente depois de tudo o que me fez. Colocou a minha mãe numa cadeira de rodas eternamente por todas as notícias que inventou», afirmou o marchand à Lux, evidenciando que - «apenas encostei o meu nariz ao dele e abanei a cabeça. Depois retoquei o meu pó de arroz e segui o meu caminho».

Após o incidente José Castelo Branco permaneceu na festa enquanto Daniel Martins decidiu abandonar o restaurante Kais com o seu grupo de amigas do Porto.
PUB
EM BAIXO: José Castelo Branco
José Castelo Branco
COMENTÁRIOS

PUB
Eurogrupo: "Não há fundamentos para continuar a negociar"

Reunião por telefone do Eurogrupo terminou com uma decisão unânime, segundo revelou no twitter o ministro das Finanças da Eslováquia: a Europa vai esperar pelo referendo de domingo para voltar a negociar com Atenas. Numa declaração em vídeo, Jeroen Dijsselbloem, diz mesmo que não vão existir mais conversas a qualquer nível e que a Europa vai "simplesmente esperar" pelo resultado. Decisão foi formalmente comunicada à Grécia numa carta enviada a Alexis Tsipras