Um novo álbum de Michael Jackson, falecido em 2009, intitulado «Xscape», constituído por oito canções, é editado no dia 13 de maio, anunciou esta segunda-feira a discográfica Sony Music.

«O projeto inclui oito novos temas, que o mundo irá ouvir pela primeira vez neste novo álbum. Para a derradeira experiência de fã, «Xscape» também irá estar disponível numa edição de luxo, que inclui todas as gravações de Michael Jackson no seu formato original», lê-se no comunicado hoje divulgado.

«Xscape» tem produção executiva do presidente da Epic Records, que o chancela, L.A. Reid, que, «após ter feito uma exploração inicial dos arquivos do cantor através do seu legado, recebeu um acesso ilimitado aos tesouros que representam quatro décadas de material sobre o qual Michael Jackson tinha contribuído com a sua prestação vocal».

«Xscape» é uma edição discográfica conjunta da Epic Records e do «Legado de Michael Jackson», instituição que zela pelo seu espólio criativo, cujos executores são John Branca e John McClain.

O título do álbum, explica a Sony em comunicado, «honra o processo de atribuição de nomes de Michael Jackson, que escolhia sempre uma canção do álbum para batizar os seus projetos e, começando com «Thriller», utilizava títulos com apenas uma palavra, todos com um certo toque arrojado».

«Tal também se verifica no novo projeto, composto por Michael Jackson e Jerkins, com produção de Jackson e Jerkins, «Xscape» tem um significado adicional no sentido em que é a única faixa do álbum que foi «contemporizada» pelo produtor que gravou o tema originalmente em estúdio com o cantor», acrescenta a discográfica.

Timbaland é o principal produtor do álbum e, entre os produtores adicionais estão Rodney Jerkins, Stargate, Jerome «Jroc» Harmon e John McClain.

O cantor norte-americano sofreu uma paragem cardíaca e morreu no dia 25 de junho de 2009, na sua residência em Holmby Hills, na Califórnia, cerca de um mês antes de completar 51 anos.