A cantora britânica Kate Bush, de 55 anos, anunciou o regresso aos palcos com um conjunto de 15 concertos no reconhecido teatro londrino Hammersmith Apollo, 35 anos depois da sua primeira e última digressão.

O primeiro concerto desta série de atuações, designada como «Before the Dawn» (Antes do Amanhecer, em português), está agendado para 26 agosto. Os concertos prolongam-se até 19 de setembro.

Em 1979, a cantora de êxitos como «Wuthering Heights» ou «Babooshka» gravou nesta sala de espetáculos em Londres um concerto-filme.

No mesmo ano, Kate Bush fez a única digressão da sua carreira («The Tour of Life»).

Apesar de uma discografia preenchida por vários êxitos, a carreira de Kate Bush foi marcada por esporádicas atuações ao vivo, um exercício que a cantora qualificava como «esgotante».

Há cerca de três anos, Kate Bush afirmou, numa entrevista, que gostaria de produzir novamente um concerto antes de ser muito «velha».

Em 2005, a cantora apresentou o seu primeiro álbum em 12 anos («Aerial»), e em 2011 lançou o trabalho «50 Words for Snow».

Em abril do ano passado, Kate Bush recebeu a medalha de Comandante da Ordem do Império Britânico pela sua contribuição para o mundo da música, uma distinção que foi atribuída pela rainha Isabel de Inglaterra.