Kanye West é alvo de um processo judicial por alegado plágio no single «Bound 2». Segundo o jornal «New York Daily News», uma antiga estrela infantil, Ricky Spicer, acusa o rapper e as suas editoras de usarem um sample da sua voz sem que tivesse sido pedida permissão para tal.

A gravação original de Spicer foi feita em 1971 para o tema «Bound» do grupo de soul Ponderosa Twins Plus One. Ricky Spicer tinha 12 anos, na altura, e é descrito pelo seu advogado como uma espécie de Michael Jackson.

«A voz do senhor Spicer é usada no sample tal e qual como foi gravada (...) e pode ser escutada várias vezes [em "Bound 2"]», explicou o advogado Vincent Imbesi, citado pelo «New York Daily News».

O processo movido contra Kanye West, e as editoras Roc-A-Fella Records, Island Def-Jam Music, Rhino Entertainment e Universal Music Group, exige uma indemnização compensatória de valor não definido ou que o rapper deixe de usar, promover e vender discos e singles com o sample não autorizado.

«Bound 2» faz parte do mais recente álbum de Kanye West, «Yeezus», lançado em junho, e considerado pelas revistas «Spin», «Entertainment Weekly» e «Time», e pelo jornal «The Guardian», como o melhor disco de 2013.