O grupo português Paus inicia no sábado uma digressão com nove concertos em Espanha, no âmbito do Primavera Sound Touring Party, um programa de atuações no país associado ao festival Primavera Sound, escreve a agência Lusa.

De acordo com o calendário divulgado pela banda, a digressão começa no sábado, em Barcelona, e termina no dia 30, em Madrid, contando pelo meio com concertos em Saragoça, Santander, Gijón, Santiago de Compostela, Valladolid, Valência e Bilbau.

Os Paus, formados por Joaquim Albergaria e Hélio Morais, numa dupla bateria, Fábio Jevelim (sintetizadores e guitarra) e Makoto Yagyu (sintetizadores e baixo), já tinham tocado em 2012 e em maio deste ano em Barcelona, no festival Primavera Sound, um evento que cresceu em dimensão e em estratégia ligada à música.

O festival estendeu-se ao Porto (desde 2012) e criou uma editora - a El Segell -, pela qual assinaram várias bandas internacionais, entre as quais os Paus, estando prevista a edição de um álbum na primavera de 2014.

A organização do festival criou ainda o Primavera Sound Tour Party, com concertos de 11 bandas e artistas, como Lee Ranaldo e Los Planetas, por várias cidades de Espanha e também pelo Reino Unido e França, embora os Paus atuem apenas no território ibérico.

Os Paus surgiram em 2010, editaram o EP «É Uma Água» e o álbum de estreia, homónimo, revelando um pós-rock instrumental e experimental, pontuado por algumas vocalizações, letras curtas, e assente numa dupla bateria - bateria siamesa, como já foi descrita - que é habitualmente o centro das atenções nas apresentações ao vivo, numa espécie de duelo/diálogo entre Joaquim Albergaria e Hélio Morais.

A propósito desta investida no mercado espanhol - e internacional -, os Paus editam este mês um vinil com as músicas «Bandeira Branca» e «Negro», tema feito para a curta-metragem «Ponto Morto», de André Godinho.