O concerto do grupo britânico One Direction pode só estar agendado para o próximo domingo, mas há já dezenas de adolescentes, sobretudo raparigas, à espera dos melhores lugares nas imediações do Estádio do Dragão. Apesar da proibição de acampar nas redondezas do recinto, as fãs do grupo pop inglês já estenderam toalhas e sacos-cama nos passeios circundantes, enquanto esperam, com os pais, que os três dias e quatro noites passem depressa.

Maria Ana Martins, de 18 anos e natural de Lisboa, declarou à Lusa que «nunca há organização nestes eventos», pelo que decidiu antecipar-se para assegurar a primeira fila e cultivar amizades que ali acontecem «e que são melhores que as que se fazem na escola».

Paula Santos também veio de Lisboa com a filha e duas amigas: «Elas é que decidem e, quando merecem, lá vamos atrás». «Já ficaram a noite passada junto à paragem do Metro e se ninguém as tirar daqui, vão ficar mais quatro noites, porque também não têm outro sítio para ficar», garantiu a responsável pelas três adolescentes.

Filipa Santos, Filipa Patrícia e Filipa Rodrigues, todas com 16 anos, decidiram partilhar mais que o primeiro nome e aguardar também ao relento pelo grupo que descrevem como «tão lindos» e na esperança de «conseguir tocar-lhes».

«Não sei o que fiz para merecer isto, mas fui obrigado», desabafou Adérito Morgado, natural de Aveiro, explicando que a filha e a amiga «fizeram tanta pressão» que teve que «vir tomar conta delas».

Fonte da PSP contactada pela agência Lusa referiu, entretanto, que este esforço de antecipação deverá ser infrutífero, visto que as zonas de entrada no estádio deverão ser vedadas sexta-feira à noite, obrigando à dispersão dos fãs.

Os One Direction atuam domingo, 13 de julho, com a primeira parte do concerto a cargo dos portugueses D.A.M.A.