O regresso dos norte-americanos The Black Keys a Portugal e a reunião dos portugueses The Vicious Five são dois dos destaques do cartaz desta sexta-feira do festival Alive, que decorre no Passeio Marítimo de Algés.

Os The Black Keys, que se estrearam ao vivo em Portugal em novembro de 2012 e somam mais de uma década de existência e oito álbuns de estúdio, tendo o mais recente, «Turn Blue», sido editado em maio, tocam pelas 22:25, no Palco NOS, e são os cabeças de cartaz do segundo dia.

Dan Auerbach e Patrick Carney, fiéis a uma linha do «garage rock», com influências da soul e dos blues, passaram a ser mais conhecidos por causa do álbum "Brothers" (2010), que inclui temas como «Tighten Up», «Howlin' for you» e «Too afraid to love you». Em 2011 lançaram «El Camino», do qual fazem parte «Lonely Boy» e «Gold on the Ceiling».

Apesar de serem os cabeças de cartaz de hoje, as honras de encerrar as atuações do palco principal, às 00:25, cabem aos portugueses Buraka Som Sistema, que deverão aproveitar para apresentar o seu mais recente trabalho, «Buraka», editado em junho.

Antes dos Buraka Som Sistema e dos The Black Keys, passam pelo palco principal os norte-americanos MGMT (20:30), que trazem na bagagem o seu mais recente trabalho, «MGMT», editado em setembro, e The Last Internationale (19:10), que deverão editar ainda este ano o seu terceiro álbum e têm na bateria Brad Wilk (Rage Against the Machine e Audioslave), e The Vicious Five (18:00), banda que se separou em 2009 e este ano editou «Ghost Eviction», composto por quatro canções gravadas no ano da separação.

O Alive, este ano, apresenta seis palcos, um deles dedicado à comédia.

Pelo Palco Heineken, passam hoje o norte-americano Allen Stone (17:00), a espanhola Russian Red (18:00), os portugueses For Pete Sake (19:00) e We Trust (22:45), os norte-americanos Parquet Courts (20:05) e Au Revoir Simone (00:00), os britânicos Sam Smith (21:20), SBTRKT (01:30) e o projeto Caribou, do canadiano Daniel Snaith(03:00).

O Palco Clubbing recebe os portugueses Matilha (17:00), D'Alva, acompanhados dos Gospel Collective, (19:15), Gunrose (00:30) e Branko, dos Buraka Som Sistema, (03:00), os norte-americanos Kuroma (18:00), Dillon Francis (21:45) e Diplo (23:00) o britânico Toddla T (20:35) e o alemão Boys Noize.

A música arranca pelas 15:00, no pórtico de entrada do recinto, com os PH Neutro. A última atuação neste palco, dos Clouds Collapse, está marcada para as 20:50.

Para o Coreto, estão marcadas as atuações dos portugueses A Vitória Régia (17:40 e 18:40), The Walks (19:40), Keep Razors Sharp (20:55), Brushy One String (22:20), Cavaliers of Fun (23:35) e Fritus Potatoes Suicide (01:00 e 02:30).

No palco Jardim, o tal dedicado à comédia, as atuações iniciam-se pelas 17:00, com Vanny Silva, e a última, de César Mourao, está marcada para as 23:55.

O festival Alive termina no sábado.