O rapper Jimmy Wopo,de 21 anos, foi baleado e morto na cidade de Pittsburgh, na segunda-feira, tal como XXXTentacion, que foi assassinado na Florida.

De acordo com a agência noticiosa Associated Press (AP), a polícia revelou que Wopo foi morto e um outro homem ficou ferido quando alguém abriu fogo contra seu carro no distrito de Hill, na segunda-feira à tarde.

Segundo informações da polícia local, Wopo e a outra vítima, cuja identidade ainda não foi revelada e que está estável, estavam no carro e foram atingidos à queima-roupa.

O carro em que os dois estavam terá sido seguido, a dado momento ficou encurralado e forma então disparados dois tiros a partir de outra viatura que arrancou a grande velocidade.

Perdi o meu irmão hoje e é a pior sensação do mundo. Ele foi escolhido para o sucesso e queria o melhor para os amigos, família e comunidade. Nós perdemos uma grande pessoa hoje, mas farei tudo para manter a memória dele viva para sempre. Amo-te, irmão”, escreveu Taylor Maglin, empresário do rapper, na sua página no Facebook.

Jimmy Wopo, rapper de 21 anos, cujo nome real era Travon Smart, teve vários vídeos que ultrapassaram um milhão de visualizações no YouTube, incluindo "Elm Street" e "First Day Out".

Numa entrevista ao jornal Pittsburgh Post-Gazette, Wopo afirmara que já tinha sido baleado duas vezes.

Segundo a AP, o seu advogado, Owen Seman, disse que conversou com Wopo minutos antes deste ser baleado para discutir um contrato com uma grande editora discográfica.