O cantor espanhol Julio Iglesias, de 71 anos, atua em Lisboa, no Arena, no dia 30 de maio, foi hoje divulgado.

O espetáculo do intérprete de êxitos como «Quijote» e «Aguadulce» no Meo Arena, na capital portuguesa, faz parte da digressão «World Tour 2015».

Julio Iglesias regressa ao pavilhão lisboeta onde atuou em 2013, num espetáculo em que homenageou o futebolista Eusébio Ferreira, e onde tinha já atuado em 2011, no âmbito da digressão mundial «A starry night world tour», que foi apontada, na altura, como a derradeira do cantor romântico espanhol.

Em 2011, José Cid foi convidado por Iglesias para fazer a primeira parte do concerto, que foi apresentado pela atriz Silvia Rizzo.

Julio Iglesias, depois de ter sido guarda-redes do Real Madrid, nos anos de 1960, decidiu enveredar pela música ligeira, estreando-se com uma participação vitoriosa no Festival Internacional da Canção de Benidorm, no sul de Espanha, em 1968, com o tema «La vida sigue igual».

O cantor representou a Espanha em vários eventos internacionais, nomeadamente no Festival da Eurovisão, de 1970, com o tema «Gwendolyne», arrecadando um 4.º lugar.

Com uma carreira de 45 anos, Iglesias já cantou em português, inglês e francês, além da sua língua materna, o espanhol.

Fez duetos com vários outros intérpretes, como Diana Ross, Willie Nelson, Stevie Wonder ou Amália Rodrigues, e é embaixador itinerante da UNICEF desde 1989.

«De niña a mujer», «Por el amor de una mujer», «Un canto a Galicia», «La Carretera», «Lo mejor de tu vida», «Voy a perder la cabeza por tu amor» e «Me va, me va» são algumas das canções de sucesso de Julio Iglesias.