O ciclo de quatro concertos do festival Verão no Parque inicia-se a 01 de julho, em Cascais, com o músico e compositor Rodrigo Leão, entrelaçando música clássica, 'clássica-pop' e jazz num ambiente descontraído, adianta a promotora Uguru.

O festival, a decorrer no Parque de Palmela, contará também com as participações do trompetista, compositor e produtor Laurent Filipe (08 de julho), o pianista italiano de jazz Stefano Bollani (30 de julho) e os franceses Sylvain Luc, guitarrista, e Richard Galliano, acordeonista (13 de agosto).

Rodrigo Leão apresenta “Florestas Submersas”, a composição que escreveu para a exposição temporária “Florestas Submersas by Takashi Amano”, que se encontra no Oceanário de Lisboa.

O resultado da atuação do músico será uma fusão entre a Natureza e a arte, uma experiência de quietude e relaxamento, segundo a promotora do festival.

A cantora de origem moçambicana Selma Uamusse, que habitualmente acompanha Rodrigo Leão, também marcará presença na visita aos maiores êxitos da carreira do compositor.

A primeira noite do festival começará com uma atuação do compositor e músico André Barros, vencedor do prémio para melhor banda sonora no Festival Independente de Filmes de Los Angeles (Los Angeles Independent Film Festival Awards), pelo seu trabalho na curta-metragem "Nosso Pai" ("Our Father"), e que se prepara para lançar o seu terceiro álbum a solo.

Rodrigo Leão foi alvo recente de atenções pela edição do álbum "Retiro", gravado com o Coro e a Orquestra Gulbenkian, editado pela alemã Deutsche Grammophon, no ano passado, quando assinalou os 30 anos de carreira.

Os concertos do festival continuam com Laurent Filipe, a atuar no dia 08 de julho, com “As (im)prováveis”, uma coleção de canções da sua autoria, em português, francês, inglês, italiano e espanhol.

Laurent Filipe & The Song Band apresentarão um repertório de canções originais, com o próprio, em voz e trompete. O compositor e produtor Laurent Filipe começou a tocar e a gravar em Portugal aos quinze anos de idade, segundo a promotora.

No dia 30 de julho, o pianista Stefano Bollani, que recebeu vários prémios e distinções, sobe a palco e apresenta-se com "Só Piano" (“Piano Solo”). Conhecido pelo jazz, os seus concertos, segundo a promotora, não têm alinhamento definido, cedendo à improvisão.

No fecho do festival, dia 13 de agosto, vai atuar a dupla Richard Galliano & Syilvain Luc, dois virtuosos do acordeão e da guitarra, respetivamente.

Richard Galliano & Syilvain Luc apresentam "A Vida em Cor-de-Rosa" (“La vie en Rose”), um tributo à cantora francesa Edith Piaf e ao acordeonista Gus Viseur.

Segundo a promotora, as quatro sessões ao ar livre, desta terceira edição do festival, estão em "harmonia com a natureza e a qualidade sonora", não só pelas condições de acústica e conforto do parque, mas também pela qualidade dos artistas que irão atuar.

“Magia é pouco para o que esta noite promete”, escreve a promotora do festival, no comunicado.