A vocalista dos Deolinda, Ana Bacalhau, vai apresentar-se pela primeira vez a solo em três concertos a realizar no final do ano. Intitulados «15», os espetáculos acontecerão a 12 de dezembro, na Casa da Música, no Porto, e nos dias 19 e 20 do mesmo mês, no Teatro Municipal São Luiz, em Lisboa.

Foi com 15 anos que Ana Bacalhau começou a cantar e, até à idade em que fez da música profissão, aos 30, a cantora foi influenciada pelos artistas que irá revisitar nestes três concertos: Fausto, Zeca Afonso, Amália Rodrigues, Elis Regina, Edit Piaf, Janis Joplin, Pearl Jam, Maria João e Mário Laginha, e The Supremes, entre outros.

Em palco, Ana estará acompanhada pelo seu marido e colega nos Deolinda, Zé Pedro Leitão (baixo e contrabaixo), para além de Mário Delgado (guitarra), Luís Figueiredo (piano), e Marcos Caveleiro (bateria).

Ana Bacalhau é vocalista dos Deolinda desde 2006, tendo já editado três álbuns de estúdio, o último deles, «Mundo Pequenino», lançado em março. Antes dos Deolinda, a cantora participou também nos projetos Lupanar e Tricotismo.