Bono Vox pode não voltar a tocar guitarra. A notícia é avançada pelo próprio, que recorda a gravidade do acidente de bicicleta que sofreu em novembro, no Central Park, em Nova Iorque. 

Os ferimentos com que ficou, entre os quais fraturas na omoplata e cotovelo esquerdo, obrigaram-no a ser sujeito a longas cirurgias, e a uma recuperação que «tem sido mais difícil do que pensava».
 

«Enquanto escrevo, não está claro se vou conseguir voltar a tocar guitarra», afirmou Bono Vox.


O artista publicou um texto de A a Z de 2014 no site da banda irlandesa, onde dá conta dos acontecimentos marcantes do ano passado, de acordo com a sua perspetiva pessoal. 
O vocalista dos U2, de 54 anos, descreveu o acidente de duas rodas como «sério», e disse não poder «culpar ninguém», principalmente porque desmaiou com o impacto e não se lembra de ir parar ao Hospital Presbiteriano de Nova Iorque com o úmero a sair pelo casaco de pele. «Ferimentos bem punk rock», descreve.

«As consequências deste bizarro acidente são significativas e vou precisar de me concentrar muito para ficar pronto para a próxima digressão dos U2», escreveu Bono, dizendo que apesar de andar a escrever músicas, a sua total recuperação pode levar mais seis meses, sendo que a digressão do «Songs of inocence» começa em maio, no Canadá.