A polícia de Yorkshire entregou esta terça-feira o processo sobre os alegados abusos sexuais perpetrados por Cliff Richard ao Ministério Público britânico, noticia a Sky, dando por concluída a investigação. 

A Procuradoria já anunciou que vai ler o precesso "com muita atenção" para saber se avança ou não com a acusação e avaliar se "há prova suficiente". 

O músico negou, contudo, desde o primeiro momento, as acusações. Sir Cliff Richard não foi detido, mas prestou declarações na polícia mais do que uma vez e a sua casa foi alvo de buscas. O processo foi aberto em agosto de 2014, mas o caso remonta aos anos 80. 

Cliff Richard tem 75 anos, é reconhecido internacionalmente e um dos mais populares músicos britanicos. 

Recebeu o título de "Sir" pelos serviços prestados à música britânica e foi um dos artistas convidados a atuar nas comemorações do Jubileu da Rainha de Inglaterra.