Delpech estava hospitalizado em Puteaux, nos subúrbios de Paris, devido a um cancro na garganta, revelou a sua mulher.

“Michel Delpech morreu sem ter alguma vez envelhecido”, comentou o Presidente francês, Francois Hollande, num comunicado.