Sebastien Ogier é tetracampeão do mundo de ralis. O piloto francês da Volkswagen conquistou o seu quarto título mundial de ralis consecutivo, ao vencer o Rali da Catalunha.

A Ogier bastava apenas um ponto para garantir o ‘tetra’, depois do abandono, no sábado, do norueguês Andreas Mikkelsen, colega de equipa e que mantinha ténues aspirações de se sagrar campeão mundial.

Para os 62 quilómetros do último dia de competição, Ogier partia com cinco segundos de vantagem sobre o espanhol Dani Sordo (Hyundai), que terminou em segundo na Catalunha, à frente do belga Thierry Neuville, seu colega na equipa sul-coreana.

“É incrível, foi um campeonato duro, mas fantástico. Ser campeão a duas provas do fim, não posso pedir mais. Este fim de semana foi novamente fantástico em termos de sensações atrás do volante. Mas claro que agora na última especial pensei um pouco no campeonato”, disse Ogier.

“Tenho que agradecer e dar o meu obrigado por tudo à equipa, que é fantástica. É incrível juntar-me a Makkinen, Kankunnen e Loeb, grandes nomes do desporto. Somos um casal perfeito, e como todos discutimos um pouco. Mas este título é dele, tal como de todos na Volkswagen. Sem eles não teria conseguido”, acrescentou.

Concluído o Rali da Catalunha, restam duas provas para terminar o Mundial de 2016: Grã-Bretanha (entre 28 e 30 de outubro) e Austrália (entre 18 e 20 de novembro).

Classificação final do Rali da Catalunha:
1. Sebastien Ogier, Volkswagen, 3h13m03,6s
2. Daniel Sordo, Hyundai, +15,6s
3. Thierry Neuville, Hyundai, +1m15,0s
4. Hayden Paddon, Hyundai, +1m27,8s
5. Mads Ostberg, Ford, +3m24,4s
6. Ott Tanak, Ford, +5m24,9s
(…)