É oficial e até já tem esboço divulgado. Falamos do “Fórmula 1 de estrada” da Mercedes-AMG, que deverá ver a luz do dia já em 2017.

A confirmação surgiu na antecâmara do Salão de Paris, na noite dedicada aos media convidados pela companhia de Estugarda. “Estou muito entusiasmado por poder confirmar oficialmente que o próximo grande feito da AMG está já na calha”, referiu Thomas Weber, responsável de produto da Daimler.

“Vamos criar um desportivo híbrido pela AMG com as nossas tecnologias de motorização da Fórmula 1. Alguns até o poderão apelidar de hiperdesportivo”, sublinhou.

O superdesportivo, que será lançado em jeito de comemoração dos 50 anos da AMG, contará com o mesmo sistema híbrido do W07 de Fórmula 1, ou seja, um sistema híbrido a debitar cerca de 1000 cv (900 cv do motor 1.6 V6 e mais dois motores elétricos posicionados nas rodas da frente, a garantirem cerca de 160 cv cada).

A potência deverá superar largamente os 1000cv, que aliado ao baixo peso (fala-se em pouco mais de 1000 kg), deverá permitir acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 2,5 segundos.

A produção deverá ser limitada a apenas 50 unidades (em alusão ao aniversário da AMG). Preço? Aproximadamente 4 milhões de euros, antes de impostos. A revelação deverá ter lugar apenas dentro de um ano, mais concretamente no Salão de Frankfurt, em setembro.

Veja ainda:
Como um F1: AM-RB 001 será capaz de fazer até 11.000 rpm