O Concurso de Elegância de Pebble Beach, em Monterrey, Califórnia, nos Estados Unidos, vai mostrar como uma das suas estrelas um McLaren 720S magenta por fora e branco por dentro – um carro único na pintura exterior e cuja cor para todos os carros da marca está patenteada.

A cor do carro (até) parece (mais) púrpura (nas imagens – que pode ver na galeria), mas, como já lá iremos, o nome do tom que está diretamente relacionado com o nome oficial da pintura é «fuchsia»: magenta em português.

Este 720S único foi encomendado à McLaren Special Operations (MSO) pelo empresário Michael Fux, que receberá o carro na segunda-feira. O interior dominado pela pele branca chama a atenção, mas não mais do que a cor exclusiva da pintura cujo magenta de estende ao habitáculo com apontamentos no volante ou nas portas ou o próprio espelho retrovisor.

Com o nome «Fux Fuchsia», esta cor foi criada para o milionário pela Rolls-Royce e desenvolvida pela MSO – tendo Fux os direitos sobre a cor para qualquer carro da McLaren.

Colecionador de carros conhecido – ainda mais conhecido quando em 2013 um mecânico espatifou o seu Ferrari Enzo num test drive – e com uma fortuna avaliada em 170 milhões de euros, Michael Fux já tem reservado o topo de gama para a estrada que a McLaren apresentou este ano em Genebra.

O motor biturbo V8 de 4.0 litros a debitar 720 cv – que lhe dá uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 2,9 segundos, dos 0 aos 200 km/h em 7,8 segundos e uma velocidade máxima de 341 km/h – será como o dos outros 720S que começam nos 230 mil euros de preço base. Mas desta cor, só há um, o seu...