A Dallara apresentou o Stradale, o carro que a casa italiana de competição construiu para andar também na estrada.

“A tecnologia da pista aplicada ao prazer da condução” é o mote com que a Dallara lança este Stradale que poderá ter, de uma ponta à outra, quatro caras.

Ao estilo «barchetta» de competição sem portas, este superdesportivo sem capota tem várias opções para transformar a sua estrutura base. Com a colocação de um pequeno para-brisas torna-se «roadster», a inclusão de um «t-frame» deixa-o na forma targa e a possibilidade de colocar porta ao estilo asas de gaivota torna-o coupé.

Quanto à condução, a suspensão também pode ser escolhida para deixar o carro mais perto do solo e a caixa manual de seis velocidades pode ser trocada por uma automática com dois modos: normal e desportivo.

Vinte engenheiros e cinco mecânicos chefiados pelo diretor técnico Giampaolo Dallara privilegiaram a fibra de carbono na estrutura deste carro inspirado no clássico Lamborghini Miura.

São apenas 855 os quilogramas que o motor Ford de 2.3 litros com 400 cv de potência carrega sobre si numa estrutura assente em pneus Pirelli personalizados.

Deverão ser cerca de 500 os exemplares fabricados a um preço na ordem dos 155 mil euros, antes de impostos, para a versão base.