A Opel tornou públicos os dados de consumos mais realistas baseados no ciclo de condução WLTP Worldwide Harmonized Light Duty Vehicles Test Procedure, um Teste Mundial Harmonizado de Veículos Ligeiros que será a norma dos ciclos de medições a partir de 2017. 

Os valores desse ciclo serão divulgados a par com os dados oficiais NEDC (New European Driving Cycle; Novo Ciclo de Condução Europeu – obtidos num banco de ensaios), habitualmente mais baixos que os WLTP.

A distância coberta no ciclo WLTP é de 23 km (em contraste com os 11 km do NEDC). Os períodos de imobilização do veículo representam apenas 13% da duração total do teste (em vez de 25% no NEDC) e a velocidade máxima é de 130 km/h (e não de 120 km/h). Cada uma das fases de condução, paragens, aceleração e travagem, pretendem refletir um perfil de condução quotidiano. Os primeiros valores divulgados referem-se aos novos Astra e Astra Sports Tourer.

Ao contrário do que sucede com o ciclo NEDC (cujos valores obtidos correspondem ao urbano, extra-urbano e misto), o ciclo de condução WLTP divide-se em quatro partes, com velocidades médias diferentes: baixa, média, alta e muito alta.

O consumo médio misto do Astra de cinco portas no ciclo NEDC, por exemplo com o motor 1.4 Turbo a gasolina (150 cv), caixa manual de seis velocidades e sistema Start/Stop, é de 5,1-4,9 l/100 km. O mesmo modelo apresenta valores de 8,5-5,0 l/100 km medidos no ciclo WLTP.

Por seu turno, o Astra de cinco portas com motor turbodiesel 1.6 CDTI de 110 cv, com caixa manual de seis velocidades e Start/Stop, mostra consumos mistos de 3,4-3,3 l/100 km no ciclo NEDC. Na norma WLTP figuram os consumos de 5,7-4,2 l/100 km.

A Opel refere que “face ao ciclo NEDC, os dados extraídos do ciclo WLTP refletem melhor os potenciais resultados de uma utilização em condições reais”.

“Tal como no NEDC, os valores são obtidos mediante testes-padrão realizados em banco de ensaio”, acrescenta a Opel, lembrando que “isso quer dizer que consumos verificados na estrada sob determinadas condições ainda podem mostrar desvios – por exemplo, na condução a alta velocidade numa secção de autoestrada alemã sem limite”.

Conheça os restantes valores no site: www.opel.pt/wltp.