A Agência Internacional de Energia (AIE) reviu em baixa a sua previsão de consumo de petróleo para este ano devido à crise.

A AIE alertou também para uma diminuição da produção por causa de alguns problemas no Azerbeijão e advertiu para possíveis riscos de novos cortes por parte da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP).

Recorde-se que o cartel vai estar reunido no Domingo, dia 15, em Viena.

No seu relatório mensal sobre o mercado petrolífero, a AIE reduziu em 300 mil barris diários os seus cálculos sobre o consumo mundial, que deverá ser este ano de 84,4 milhões de barris por dia, o que significa menos 1,2 milhões de barris que o ano passado.