O Cinebox esteve à conversa com Naomie Harris sobre aquele que a atriz considerou «o maior desafio» da sua carreira. A britânica de 37 anos interpreta o papel de Winnie Mandela em «Mandela: Longo Caminho Para a Liberdade».

«Fui à lua! Tinha acabado de filmar "O Graduado" com o Justin Chadwick. Ele realizou esse filme e disse-me: "Olha, vou realizar [o filme sobre] Mandela - queres interpretar a Winnie Mandela?"», recordou Naomie Harris.

A atriz aceitou prontamente o desafio, mas admite que, na altura, não fazia ideia de quão controversa Winnie tinha sido: «Foi um grande choque quando comecei a pesquisar para o papel».

Harris chegou mesmo a conhecer pessoalmente a ex-mulher de Nelson Mandela e pediu-lhe conselhos para melhor a representar no filme.

«Foi uma grande ajuda porque, naquela altura, estava um pouco perdida. Eu não conseguia compreender quem ela tinha sido porque havia visões muito diferentes sobre ela. (...) E ela disse-me simplesmente: "Ouça, só depende de si fazer a sua pesquisa. E tudo o que lhe peço é que me interprete de forma verdadeira".»

E o balanço final desta aventura não poderia ser melhor para a atriz: «Acho que foi o maior desafio, até à data, da minha carreira. Acho que me fez realmente evoluir como atriz e estou muito orgulhosa».

O próximo filme de Naomie Harris será o novo capítulo da saga «007», em que voltará a interpretar a agente Eve/Moneypenny, colega de James Bond.

No entanto, a atriz pouco mais pode adiantar sobre o novo filme: «Ainda nem li o argumento, por isso, não sei nada. Aparentemente, o [realizador] Sam Mendes diz que vou andar mais no terreno, o que me assusta!».