O Cinebox foi espreitar as rodagens do novo filme de Joaquim Leitão, inspirado em «Sei Lá», um «best-seller» de Margarida Rebelo Pinto. O filme dá vida nova à história de quatro mulheres na casa dos 30 anos na Lisboa do final da década de 1990.

«[O filme] vai muito à volta da comédia romântica, que acho que é uma coisa que se faz pouquíssimo em Portugal. Nesse aspeto, acho muito interessante», destacou Leonor Seixas, uma das protagonistas de «Sei Lá».

Joaquim Leitão afirmou que «tal como no livro», o filme «tem aquele lado muito explícito de mulheres a falar sobre sexo, que é uma coisa que os homens gostam de ver também», acreditando que esta não seja uma película exclusivamente para um público feminino.

As semelhanças com a popular série de televisão «O Sexo e a Cidade», que também saltou para o cinema, dão lugar a inevitáveis comparações.

«As parecenças são muitas. De facto, somos quatro, mas de referir que esta autora escreveu [o "Sei Lá"] em 1997, que foi lançado em 1999, muito antes de "O Sexo e a Cidade"», esclareceu outra das atrizes do elenco principal do filme, Ana Rita Clara.

«Sei Lá», o filme, contou com a participação de própria Margarida Rebelo Pinto na construção do argumento, e a estreia deverá acontecer durante o próximo ano.

Para além de Leonor Seixas e Ana Rita Clara, o elenco contará ainda com as presenças de Patrícia Bull, António Pedro Cerdeira, Gabriela Barros e Rita Pereira, entre outros.