Pelo menos 30 pessoas morreram e 50 ficaram feridas no Iraque num atentado suicida num santuário xiita no norte de Bagdade, disseram hoje as forças de segurança iraquianas.

O ataque foi feito com bombistas suicidas, armas de fogo e morteiros, segundo um comunicado do comando das forças de operações conjuntas do Iraque citado pela agência noticiosa AFP.

As forças de segurança do Iraque atribuíram ao grupo terrorista Estado Islâmico (EI) a autoria deste ataque na cidade de Balad, que fica a 80 quilómetros de Bagdade, a capital do Iraque.