Foi identificado, em França, o primeiro caso de contágio de Zika através de transmissão sexual, depois de uma mulher ter sido infetada quando o parceiro regressou do Brasil, disse à AFP o Governo.

O caso foi detetado há vários dias “numa mulher que não está grávida”, confirmou a ministra da Saúde, Marisol Touraine, durante uma visita à Guiana Francesa.

O casal vive na zona de Paris e a mulher “encontra-se bem”.

Ontem, em Portugal, a Direção-Geral da Saúde atualizou o número de infetados, tendo o Instituto Ricardo Jorge notificado dois novos casos de Zika em cidadãos também regressados do Brasil.

No total, há até ao momento 9 casos identificados em Portugal.