O cidadão britânico infetado com o vírus do ébola foi retirado da Serra Leoa por um avião da Força Aérea Real, confirmou o Departamento de Saúde do Reino Unido.

O paciente, com cerca de 30 anos e enfermeiro voluntário de uma organização humanitária, vai ser tratado em Londres no Royal Free Hospital, que está equipado com uma unidade de isolamento de última geração.

Ébola: perito da OMS infetado com o vírus

De acordo com o porta-voz do Departamento de Saúde, citado pela imprensa britânica, o paciente «não apresenta um quadro grave». As autoridades sanitárias britânicas continuam a afirmar que o nível de risco no Reino Unido é «muito baixo».

A decisão de transportar o doente para o Reino Unido é no seu próprio interesse e foi tomada seguindo «conselhos clínicos».