Um rapaz de 12 anos foi esta quarta-feira condenado a pagar 300 libras (pouco mais de 350 euros) a uma menina de seis anos por dois crimes de violação.

Julgado num tribunal de menores em Inglaterra, o rapaz confessou o crime e não se mostrou arrependido do que fez, dizendo «não se importar com os sentimentos da menina».

Ainda assim e devido à idade, foi posto em liberdade e proibido de se aproximar da menina de seis anos. O jovem também vai ter acompanhamento psicológico de modo a tomar consciência da gravidade dos seus atos e perceber que fez mal.

O rapaz foi levado pelos próprios pais a uma esquadra de polícia de Suffolk mal souberam das alegações.