O chefe do governo conservador húngaro, Viktor Orban, que venceu as eleições legislativas de 06 de abril e tomou posse este domingo em Budapeste, disse que está a revolucionar a Hungria.

«Depois da minha chegada ao poder (2010), aconteceu uma revolução na Hungria», disse Orban perante milhares de apoiantes que se reuniram frente ao Parlamento após a cerimónia oficial da tomada de posse.

O Fidesz, o partido de Viktor Orban, em aliança com os democratas-cristãos, dispõe de 113 lugares no Parlamento, num total de 199.